Valdirlei Dias Nunes

Biografia

(Bom Sucesso - PR, 1969)

Trabalhando na intersecção de duas e três dimensões, Valdirlei Dias Nunes produz pinturas sobre escultura. Minimalistas, as obras do artista são uma sucessão de possibilidades entre abstração e figuração e traduzem seu interesse pela geometria e pela arquitetura moderna. Transformando as estruturas e formas em duas dimensões icônicas, pintando caixas, vigas e barras em telas brancas, ele empurra a pintura para a escultura e a escultura para a pintura, explorando a fluidez da fronteira entre estas duas disciplinas. 

Nascido no interior do Paraná, Dias Nunes tem afinidade com as artes visuais desde muito cedo, embora acabe por estudar Farmácia e Bioquímica. Inicia sua produção artística de forma autodidata, com idas esporádicas a São Paulo. Na década de 1990, faz suas primeiras exposições e, em 1994, muda-se para São Paulo, aos 25 anos. Entre os anos de 1997 e 1998, realiza residência em Nova York.

Desde os trabalhos iniciais, o artista se dedica a investigar a representação em superfícies bidimensionais, destacando o caráter ambíguo do processo de representar um objeto tridimensional sobre uma superfície plana. Dias Nunes vive e trabalha em São Paulo.

Sua obra foi apresentada em duas edições da exposição “Panorama da Arte Brasileira”, em 2005 e em 2006, no Museu de Arte Moderna de São Paulo, e em 2001 e em 2002, no Museu de Arte Moderna de São Paulo e do Rio de Janeiro. O artista fez exposições individuais na Galeria Ramis Barquet, em Nova York (em 2000 e 2001), e na Pulitzer Art Gallery, em Amsterdã, em 1993. Participou ainda de “Desenhos: A-Z”, com curadoria de Adriano Pedrosa, na galeria Porta 33, em 2005, e da mostra “Caminhos do Contemporâneo 1952/2002”, no Paço Imperial, Rio de Janeiro, em 2002, entre outras.



Currículo

Exposições individuais

2013

Sem Título (Novos Relevos). LURIXS: Arte Contemporânea. Rio de Janeiro, Brasil

2011

Relevos. Casa Triângulo. São Paulo, Brasil

2008

Casa Triângulo. São Paulo, Brasil

2006

Galeria Luisa Strina. São Paulo, Brasil

2005

Pinturas Negras. Galeria Luisa Strina. São Paulo, Brasil

2002

Galeria Luisa Strina. São Paulo, Brasil

2001

Ramis Barquet. Nova York, EUA

2000

Project Room. Ramis Barquet. Nova York, EUA

1998

Galeria Luisa Strina. São Paulo, Brasil

1994

Casa Triângulo. São Paulo, Brasil

1993

Pulitzer Art Gallery. Amsterdam, Holanda

1992

Programa de Exposições do Centro Cultural São Paulo. Pavilhão da Bienal – Parque Ibirapuera. São Paulo, Brasil

1991

Casa Triângulo. São Paulo, Brasil

 

Exposições coletivas

2011

En Obras. TEA Tenerife Espacio de las Artes. Ilhas Canárias, Espanha

Geometrias. Espaço Coleção Particular. São Paulo, Brasil

2010

Paralela 2010. Liceu de Artes e Ofícios. São Paulo, Brasil

2009

31o Panorama da Arte Brasileira. Museu de Arte Moderna de São Paulo. São Paulo, Brasil

Nuevas Miradas: 14 Artistas Brasileños Contemporáneos. Galería Fernando Pradilla. Madri, Espanha

Zona Maco Sur. Cidado do México, México

Gabinete de Desenhos. Galeria Mirante – Caixa Cultural. Salvador, Brasil

2008

Cover = Reencenação + Repetição. Museu de Arte Moderna de São Paulo. São Paulo, Brasil

MAM 60. Oca do Ibirapuera – Parque Ibirapuera. São Paulo, Brasil

Arte Brasileira Contemporânea: 18 propostas. Galeria Murilo Castro. Belo Horizonte, Brasil

André Schlechtriem Contemporary. Nova York, EUA

Paralela 2008. Liceu de Artes e Ofícios. São Paulo, Brasil

2007

Intimidades: Jogos Perigosos. Galeria Marilia Razuk. São Paulo, Brasil

Gabinete de Desenhos. Museu de Arte Moderna de São Paulo. São Paulo, Brasil

2006

MAM na Oca. Oca do Ibirapuera – Parque Ibirapuera. São Paulo, Brasil