Mauricio Valladares

Biografia

Fotógrafo, jornalista, radialista e DJ. Seu interesse pela música o leva a fotografar, resultando no registro de grandes nomes da música brasileira como Gilberto Gil, Lulu Santos, Rita Lee e Hermeto Pascoal, e internacional, como Bob Marley, David Bowie, Led Zeppelin e The Who, além do registro de pessoas no seu dia-a-dia e em interação com a cidade. A pessoa é o objeto de interesse da sua fotografia. 

Assinou fotos de capas de disco emblemáticas como Será, o primeiro disco da Legião Urbana, Cinema Mudo e Os Grãos dos Paralamas do Sucesso, e Piquenique do Ed Motta. É o fotógrafo oficial dos Paralamas, banda sobre a qual publicou um livro cobrindo os 25 anos de carreira. Foi fotógrafo do Jornal do Brasil e da Revista de Domingo no ano da sua criação. Como jornalista, colaborou nos anos 70 com o pioneiro Jornal da Música e, mais tarde, com inúmeras publicações na Revista Bizz, Som Três e Pipoca Moderna, tanto escrevendo, quanto fotografando. 

Em 82, após retornar de Londres, onde morou por dois anos, lançou, pela Radio Fluminense, bandas internacionais, até então desconhecidos no Brasil, como The Cure, New Order e U2. Também revelou bandas nacionais como Legião Urbana, Os Paralamas do Sucesso, Capital Inicial e Biquíni Cavadão. Na década de 90 coordenou por seis anos o selo Plug da BMG, lançando bandas como Pato Fu, Funk Fuckers, Devotos do Ódio e relançando bandas como DeFalla, Violeta de Outono e Picassos Falsos. 

Conduziu os programas de rádio Ronca Tripa (Rádio Fluminense), Radiolla (Globo FM) e hoje é responsável pelo Ronca Ronca (Rádio Cidade). Criou as festas Funk’n Reggae, Radiolla e Ronca Ronca, que este ano completa 20 anos. Foi o DJ oficial da turnê do Los Hermanos em 2012, e o DJ responsável pela sonorização dos shows do Radiohead em 2008 (RJ e SP), Paul McCartney em 2010 (SP) e Robert Plant em 2012 (RJ e SP).

 



Currículo